Mídia

O Phototrip.me já foi notícia por aí. Não viu ainda?
Então confira nos links abaixo.

“Além das memórias inesquecíveis das férias, agora dá para ter um álbum de fotos digno de ensaio de revista. Ter um fotógrafo de viagem a tiracolo é moda no mundo atualmente e pensando nisso, o pessoal do Aires Buenos fundou o Phototrip.me.

 

O site é uma rede global de fotógrafos de viagem que clicam momentos em cidades como Lisboa, Paris, Nova York, Rio de Janeiro, Recife e mais 10 cidades do Brasil e do mundo. A diferença do Phototrip.me é o olhar local: o fotógrafo indica locações fora da rota turística tradicional, para deixar a experiência mais autêntica e local. A idéia é ter um souvenir de viagem com muito mais beleza do que uma foto tirada com um pau de selfie.”

Veja mais: Almost Locals

“Criado em fevereiro deste ano, o Phototrip.me é um site que conecta viajantes a fotógrafos que moram na cidade de destino do turista. Os profissionais apresentam a região ao cliente e sugerem locais que vão além dos pontos turísticos tradicionais para fazer um book fotográfico.

 

Apesar de não terem formação em turismo, os fotógrafos são todos fãs das cidades em que moram. Com isso, oferecem ao cliente uma experiência completa de viagem, com fotos profissionais e serviço de guia local. O roteiro e duração do passeio são combinados previamente com o viajante.”

Veja mais: Gazeta do Povo

“Deixe o pau de selfie em casa”, este é o principal conselho que o Phototrip.Me está distribuindo na internet desde 29 de fevereiro. Criado por Henderson Moret e Túlio Bragança, brasileiros radicados em Buenos Aires, o site conecta o turista a fotógrafos nascidos no Brasil, mas que moram em diversos lugares do País e do mundo.

 

“Oferecemos esse serviço em Buenos Aires faz mais de um ano. Sou dono do blog Aires Buenos e entre as várias atividades que oferecemos está esse ensaio turístico, feito pelo Henderson”, explica Bragança. “A ação deu tão certo por aqui que o Henderson e eu decidimos levar a ideia para outras cidades turísticas”, completa.

Veja mais: Panrotas

“Em tempos em que câmeras de smartphones e os paus de selfie proliferam entre turistas, um site lançado nesta semana propõe algo um pouco diferente para o registro de viagens. O Photorip, criado pelos brasileiros radicados em Buenos Aires Henderson Moret e Túlio Bragança, é um site que funciona como uma espécie de “mercado virtual de fotógrafos.”

Veja mais: Folha de São Paulo

“Já para quem quer registrar suas viagens sem ter que se preocupar em tirar boas fotos, mas não abre mão de imagens com qualidade, a start-up brasileira Phototrip.me, lançada este ano, oferece um tour fotográfico diferente. O conceito da empresa é inspirado em outros já conhecidos em cidades como Nova York e Londres. Nesse tipo de serviço, o fotógrafo é responsável pelas imagens dos clientes, enquanto eles aproveitam a visita pelo local escolhido.”

Veja mais: O Globo

“Além de guardar na memória, as fotos são sempre uma boa maneira de recordar aquela viagem especial. Pensando nisso, o Phototrip.me, rede de fotógrafos brasileiros pelo mundo, oferece aos turistas a oportunidade de ter belas fotos com a ajuda de uma espécie de paparazzo particular.

 

Presente em cerca de 20 destinos no Brasil e em outras regiões do mundo, o serviço quando contratado coloca à disposição um fotógrafo brasileiro para fazer o ensaio fotográfico e de quebra ser um guia turístico por algumas horas.”

Veja mais: Exame

“Belo Horizonte é uma das 21 cidades representadas no Phototrip.me, rede on-line de fotógrafos profissionais que tem o objetivo de unir fotografia e turismo. Criada há um mês, a plataforma já conta com 30 fotógrafos cadastrados, sendo dois em Minas Gerais, que oferecem aos turistas o serviço combinado de guia local e ensaio fotográfico. A expectativa do sócio-fundador da rede, Túlio Pires Bragança, é de que em 2016 os fotógrafos realizem juntos 500 ensaios fotográficos.”

Veja mais: Diário do Comércio

“A mania de tirar fotos em tudo quanto é lugar transcende também o limite das barreiras geográficas. Não há viajante que não se posicione nos principais pontos turísticos do mundo para aquela selfie esperta. Isso já acontecia, inclusive, quando era rolo de filme. Todo mundo quer registrar o momento. Porém, tem quem ultrapasse o bom senso e acaba não aproveitando a própria experiência de viagem. Pensando nestes turistas, equipe internacional de fotógrafos profissionais promete dar uma ‘mão’ e transformar as fotos do momento em algo único. Trata-se da startup Phototrip.me.”

Veja mais: Diário do Grande ABC

Não perca nenhuma novidade

Assine a nossa newsletter

Siga a gente nas redes sociais